Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Siga-nos nas redes sociais:

AL aprova LOA em 1ª votação, mas conclusão fica para dezembro

Petista vê receita subestimada; base nega e reafirma compromisso de aprovar pauta antes do recesso 24/11/2021 - 09:31:50

A Assembleia Legislativa aprovou, em primeira votação, o projeto da Lei Orçamentária Anual (LOA), que estima receitas e despesas do Governo do Estado em R$ 26,5 bilhões para 2022. Agora, a pauta deve retornar ao plenário apenas na segunda metade de dezembro.

A aprovação ocorreu após acordo entre oposição e base, uma vez que o deputado estadual Lúdio Cabral (PT) acusa o Executivo de subestimar a receita. Ele pediu um prazo para analisar o conteúdo e dialogar com a Casa Civil, a fim de "corrigir" a estimativa de arrecadação em mais de R$ 5 bilhões.

Segundo o presidente da Casa, deputado Max Russi (PSB), a pauta deve retornar para nova votação daqui a aproximadamente 20 dias.

“A segunda votação deve acontecer só depois do dia 15 dezembro. Teremos muitas emendas apresentadas ainda”, disse.

Sobre a acusação de Lúdio sobre receita subestimada, Russi afirmou que o prazo maior para a segunda votação permitirá a todos levantar os números reais da LOA, uma vez que o Governo terá mais um mês de receita fechada.

Russi negou, ainda, que em caso de receita subestimada, o dinheiro a mais arrecadado pelo Governo não tenha sua destinação fiscalizada pelo Legislativo.

“Acontecendo essa arrecadação a mais no próximo ano, o Governo vai precisar fazer a suplementação desse recurso”, afirmou.

“A definição acaba passando pela Assembleia, porque quando há excesso de arrecadação, tem que mandar um projeto de lei para o Parlamento dar liberdade a ele para gastar esse excesso, ou seja, novamente passa pelo Poder Legislativo”, explicou.

Sem “orçamento fictício”

Já o líder do Governo, Dilmar Dal’Bosco (DEM) rebateu Lúdio e disse que espera que o compromisso firmado com o Governo, de aprovação da matéria ainda em dezembro, seja cumprido pelo Legislativo.

“O Orçamento está bem elaborado. Não existe orçamento fictício. Isso é fala da oposição, que quando estava na situação não questionava as peças enviadas pelo Governo, que sempre eram irreais”, criticou.

“Mas tem tempo hábil para votação neste ano. É o compromisso que nós temos e tenho conversado com os deputados, tive uma reunião com a Casa Civil. Está no cronograma que nós fizemos o compromisso de aprovar antes do recesso parlamentar”, completou.

Dilmar ainda confirmou que há discussão a respeito do índice a ser pago de Revisão Geral Anual (RGA) aos servidores, fixado em 6,05%.

Alguns parlamentares defendem o aumento do índice ou ao menos a equiparação com o valor a ser repassado aos Poderes por meio do duodécimo, que está fixado em 8,35%.

“Estamos em construção para ver se tem ou não a possibilidade de aumentar. Estamos lutando e conversando com a Casa Civil. Mas nós já conquistamos alguma coisa. Na LDO que veio conseguimos um ponto percentual a mais. Mas nós sabemos das dificuldades e o governador também quer ajudar”, ponderou o democrata.

Foto JLSiqueira/ALMT

Fonte: Midia News / LISLAINE DOS ANJOS

Veja tambem

06/12/2021 | CONTRA COVID-19

AL vota nesta 3ª projeto que proíbe passaporte da vacina em MT

Inicialmente, projeto englobava apenas comércio e igrejas; substitutivo pede vedação em locais públicos e privados

06/12/2021 | CUIDE DO SEU QUINTAL

Mutirão contra dengue continua em mais três bairros

Na programação desta semana, também estão previstos trabalhos nos bairros Jequitibás e Violetas.

06/12/2021 | TABULEIRO POLÍTICO

Emanuel articula com ex-deputado federal candidatura da oposição em MT

Prefeito ainda elogiou nome de produtor rural como "candidato da direita" no Estado

05/12/2021 | DISCUSSÃO PREMATURA

Barbudo diz que direita precisa resolver 'racha' antes de pensar em projeto ao governo

04/12/2021 | ANÁLISE

Evangélicos conquistam 'filé-mignon' com André Mendonça no STF

Pastores lutaram para garantir a chegada de um dos seus à mais alta corte do país

03/12/2021 | PRECATÓRIO MILIONÁRIO

Justiça notifica ex-governador e mais 8 para explicarem rombo de R$ 61 mi em MT

Esquema envolveu pagamento de propina para Governo quitar precatório de construtora

02/12/2021 | MARIA DA PENHA

Prefeitura sanciona lei que proíbe a contratação de agressores no Executivo municipal

02/12/2021 | DISCUSSÃO NAS REDES

Vereadora do PT é condenada a indenizar Cattani por danos morais

Edna Sampaio fez acusação após postagem de Cattani nas redes sociais

01/12/2021 | COVID-19

Quarta-feira (01): Mato Grosso registra 553.025 casos e 14.001 óbitos por Covid-19

Há 41 internações em UTIs públicas e 25 em enfermarias públicas; taxa de ocupação está em 23% para UTIs e em 5% para enfermaria

01/12/2021 | ANDRÉ MENDONÇA JUSTIÇA

Nome de André Mendonça ao STF é aprovado na CCJ no Senado

Ex-ministro da Justiça teve 18 votos a favor e 9 contra

01/12/2021 | CUIDE DO SEU QUINTAL

Sinop: 96% de amostras coletadas são positivas para transmissores de dengue

01/12/2021 | LEGISLATIRO SINOP MT / VEREADOR CÉLIO GARCIA

Célio Garcia pede melhorias para Residencial Adriano Leitão

As duas indicações foram direcionadas ao Residencial Adriano Leitão. Célio sugeriu que seja construído no bairro, um campo de futebol Society, com grama sintética, e uma quadra de vôlei de areia.