Siga-nos nas redes sociais:

Wilson quer que CPI dos Grampos investigue Silval e Fávaro

A briga entre a oposição e governista para saber quem irá comandar a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) 09/08/2018 - 10:51:17

Vice-líder do governo Pedro Taques (PSDB) na Assembleia Legislativa (ALMT), Wilson Santos (PSDB) quer que a CPI dos Grampos investigue a gestão Silval Barbosa e o ex-vice-governador Carlos Fávaro (PSD), candidato ao senado  na chapa de dissidentes do governo.

Leia também - Botelho aposta em eleição de dois turnos em Mato Grosso

Segundo o tucano, existiriam relatos que a prática de interceptações telefônicas clandestina já ocorria desde 2011.

"A nossa proposta é que a investigação comece desde 2011. Nós já temos indicios de que já exisitia desde o governo Silval Barbosa", disse o parlamentar.

Segundo ele, a proposta da oposição de CPI seria apenas para investigar de 2015 para frente. "existem depoimentos que isso já existia desde o governo Silval. Então vamos investigar todos. O governador tem que ser investigado, o vice-governador Carlos Fávaro também tem que ser investigado, os Comandantes da PM, de soldado a coronel, alguns delegados de Policia, alguns membros do Ministério Públicos, deputados", afirma Wilson Santos.

Os argumentos de Wilson Santos tem por base o depoimento do cabo Gerson Corrêa, que apontou o Pedro Taques e Paulo Taques como "os donos do negócio".

Durante este depoimento, Gerson disse que a explicação dada para que o sistema de arapongagem criado durantes as eleições de 2014 para grampear os adversários políticos de Taques, seria de que o ex-deputado estadual José Riva teria montado um esquema de escuta telefònica contra Taques através do coronel Mendes. E que por isso, decidiram revidar criando o que ficou conhecido como "Grampolândia Pantaneira".

"Isso é uma mentira deslavada. O coronel Mendes [citado em audiência] não estava próximo da minha campanha. Ele se aproximou quando a Janete Riva assumiu a vaga de candidata. Mas nunca houve grampos. Eu duvido que o coronel Mendes tenha grampeado alguém", disse Riva ao Gazeta Digital.

Riva também questionou o suposto fato de que outros adversários de Taques foram alvo do esquema de arapongagem. "Se fosse isso por que grampearam os outros? Qual o motivo?", questionou o ex-deputado.

CPI

Chico Ferreira

A briga entre a oposição e governista para saber quem irá comandar a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar denúncias de que o governador Pedro Taques (PSDB) teria sido o "mandante" dos grampos telefônicos clandestinos, conforme afirmou em juízo o cabo da Polícia Militar, Gerson Corrêa Júnior, está nas mãos da Mesa Diretora.

Para revelar com que realmente apresentou 1º o requerimento, Botelho terá prazo. “Eu criei uma comissão, composta pelo procurador-geral e dos consultores. Eu havia pedido 24 horas. Eles reuniram comigo ontem durante a noite pedindo para que esse prazo é muito curto para eles, uma vez que terão que assistir toda a sessão novamente, vão ter que olhar tudo, estudar a jurisprudência. Então nós ampliamos isso para 72 horas. Para que eles pudessem, realmente, fazer um estudo amplo, e apresentar um parecer bem técnico e imparcial”, afirmou.

Wilson quer que a CPI só funcione depois das eleições, investigando outros nomes e órgãos além de Pedro Taques. A deputada Janina entende que a CPI deve funcionar logo. “Aí são 2 pontos de vistas. Duas opiniões diferentes de deputados”, finalizou Botelho. 

Fonte: Gazeta Digital

Veja tambem

18/10/2018 | EDUCAÇÃO AMBIENTAL

Prefeitura executa ações de plano de recuperação de áreas degradadas no aeroporto

18/10/2018 | CAPACITAÇÃO

Sinop: Hospital Regional realiza treinamento sobre infecção hospitalar

Todos os meses, desde julho, são realizados treinamentos com o objetivo de qualificar cada vez mais a equipe que trabalha no Hospital e assim, melhorar cada vez mais o atendimento

17/10/2018 | ALERTA SEFAZ

Mais de três mil micro e pequenas empresas poderão ser excluídas do Simples Nacional

Contribuintes têm opção de pagar débitos à vista ou parcelados para não serem retirados do sistema a partir de janeiro de 2019

17/10/2018 | LEI DOS 15 MINUTOS

Aprovado projeto que endurece punição para agências que descumprirem lei da espera em banco

Proposta abrange as agências dos Correios e institui cassação de alvará da empresa que sofrer cinco sentenças por descumprimento da Lei vigente.

17/10/2018 | MAIS OBRAS

Prefeita se reúne com presidente do BNDES na busca de recursos para obras em Sinop

O encontro foi intermediado e teve apoio do senador Wellington Fagundes (PR).

16/10/2018 | PROJETO DE LEI

Debortoli propõe que prefeitura divulgue motivo de paralisação de obras

16/10/2018 | COBRANÇA DA TAXA

Produtores querem ter controle sobre o Fethab 2

Antônio Galvan afirma que a categoria só aceitará a continuidade da cobrança da taxa se ela própria puder administrar os recursos e decidir em quais rodovias eles serão aplicados.

15/10/2018 | ELEIÇÕES 2018

Bolsonaro tem 59% dos votos válidos e Haddad 41%, diz Ibope para segundo turno

Nos votos totais, Jair Bolsonaro, do PSL, tem 52%, e Haddad, 37%. Pesquisa é a primeira do Ibope no segundo turno das eleições.

13/10/2018 | MATO GROSSO

Ex-senadora, vice-governador e deputados não conseguem retomar carreira política

Na lista dos “barrados na urna” estão ex-deputados, vice-governador, prefeito de Cuiabá e senadora.

13/10/2018 | ELEIÇÕES 2018

Bolsonaro diz que aceita realizar debate com Haddad, com condições

Ele afirmou ainda que num governo Haddad quem escolheria os ministros seria Lula.

13/10/2018 | DISCURSO AMENO

PSDB descarta oposição raivosa a Mauro

Borges disse que Wilson e Maluf é que serão os responsáveis por discutir o assunto.

12/10/2018 | DISPUTA PELA MESA

Dal’Bosco: Não pode virar reinado; tem 14 novos deputados na AL

Aliado de Mauro Mendes se diz interessado em concorrer ao comando da Assembleia