Siga-nos nas redes sociais:

Wilson quer que CPI dos Grampos investigue Silval e Fávaro

A briga entre a oposição e governista para saber quem irá comandar a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) 09/08/2018 - 10:51:17

Vice-líder do governo Pedro Taques (PSDB) na Assembleia Legislativa (ALMT), Wilson Santos (PSDB) quer que a CPI dos Grampos investigue a gestão Silval Barbosa e o ex-vice-governador Carlos Fávaro (PSD), candidato ao senado  na chapa de dissidentes do governo.

Leia também - Botelho aposta em eleição de dois turnos em Mato Grosso

Segundo o tucano, existiriam relatos que a prática de interceptações telefônicas clandestina já ocorria desde 2011.

"A nossa proposta é que a investigação comece desde 2011. Nós já temos indicios de que já exisitia desde o governo Silval Barbosa", disse o parlamentar.

Segundo ele, a proposta da oposição de CPI seria apenas para investigar de 2015 para frente. "existem depoimentos que isso já existia desde o governo Silval. Então vamos investigar todos. O governador tem que ser investigado, o vice-governador Carlos Fávaro também tem que ser investigado, os Comandantes da PM, de soldado a coronel, alguns delegados de Policia, alguns membros do Ministério Públicos, deputados", afirma Wilson Santos.

Os argumentos de Wilson Santos tem por base o depoimento do cabo Gerson Corrêa, que apontou o Pedro Taques e Paulo Taques como "os donos do negócio".

Durante este depoimento, Gerson disse que a explicação dada para que o sistema de arapongagem criado durantes as eleições de 2014 para grampear os adversários políticos de Taques, seria de que o ex-deputado estadual José Riva teria montado um esquema de escuta telefònica contra Taques através do coronel Mendes. E que por isso, decidiram revidar criando o que ficou conhecido como "Grampolândia Pantaneira".

"Isso é uma mentira deslavada. O coronel Mendes [citado em audiência] não estava próximo da minha campanha. Ele se aproximou quando a Janete Riva assumiu a vaga de candidata. Mas nunca houve grampos. Eu duvido que o coronel Mendes tenha grampeado alguém", disse Riva ao Gazeta Digital.

Riva também questionou o suposto fato de que outros adversários de Taques foram alvo do esquema de arapongagem. "Se fosse isso por que grampearam os outros? Qual o motivo?", questionou o ex-deputado.

CPI

Chico Ferreira

A briga entre a oposição e governista para saber quem irá comandar a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar denúncias de que o governador Pedro Taques (PSDB) teria sido o "mandante" dos grampos telefônicos clandestinos, conforme afirmou em juízo o cabo da Polícia Militar, Gerson Corrêa Júnior, está nas mãos da Mesa Diretora.

Para revelar com que realmente apresentou 1º o requerimento, Botelho terá prazo. “Eu criei uma comissão, composta pelo procurador-geral e dos consultores. Eu havia pedido 24 horas. Eles reuniram comigo ontem durante a noite pedindo para que esse prazo é muito curto para eles, uma vez que terão que assistir toda a sessão novamente, vão ter que olhar tudo, estudar a jurisprudência. Então nós ampliamos isso para 72 horas. Para que eles pudessem, realmente, fazer um estudo amplo, e apresentar um parecer bem técnico e imparcial”, afirmou.

Wilson quer que a CPI só funcione depois das eleições, investigando outros nomes e órgãos além de Pedro Taques. A deputada Janina entende que a CPI deve funcionar logo. “Aí são 2 pontos de vistas. Duas opiniões diferentes de deputados”, finalizou Botelho. 

Fonte: Gazeta Digital

Veja tambem

16/02/2019 | SORRISO-MT

Governador destaca que Fethab proporcionará maior investimento em infraestrutura no Estado

Somente este ano, 40% do fundo, que significam R$ 600 milhões, serão destinados exclusivamente para a Secretaria de Infraestrutura e Logística (Sinfra).

16/02/2019 | SAÚDE INDÍGENA

Bolsonaro destaca uso de helicóptero no serviço a índios no Amazonas

A aeronave vai apoiar as equipes médicas da saúde indígena

16/02/2019 | CONTENÇÃO DE GASTO

Governo estabelece meta de redução de despesa em 20%

Esse percentual deverá ser reduzido do menor valor mensal liquidado ou demandado nos últimos seis meses por todas as instituições estaduais.

16/02/2019 | CRISE

Prefeitos do Nortão se reúnem com o governador e pedem melhorias na Saúde

Mauro Mendes reúne o chefe da Casa Civil Mauro Carvalho e prefeitos do Nortão, como Rosana Martinelli e Binotti

15/02/2019 | HABITAÇÃO

Prefeitura divulga lista de pré-aprovados para o residencial Nico Baracat

Mil e oitenta e duas pessoas constam nesta primeira relação apresentada pelo poder público municipal.

15/02/2019 | TRIBUNAL DE JUSTIÇA

Tribunal nega recurso de Mauro Savi e do ex-prefeito de Sinop em ação do Ministério Público

Ex-deputado é acusado de ter se apropriado de dinheiro público em Sinop

14/02/2019 | POLITICA

Após definir idade mínima da aposentadoria, Guedes volta para o Rio

O ministro cancelou a agenda que tinha na Procuradoria-Geral da República (PGR) para discutir detalhes da proposta e foi a sua cidade

14/02/2019 | AGRONEGÓCIO

Deputados requerem registro de Frente Parlamentar do Agronegócio

Proposta apresenta o deputado Dilmar Dal Bosco como coordenador-geral e busca aprimorar a legislação

14/02/2019 | EM BRASILIA

Secretário de Saúde participa de reunião nacional em busca de práticas positivas para MT

Congresso reuniu integrantes do Conselho Nacional dos Secretários de Saúde (Conass) nesta quarta-feira (13) para discutir eficiência da saúde pública.

14/02/2019 | SENADO

Selma é titular de 5 comissões e afirma que a escolha é estratégica para o PSL

Decisões sobre Direitos Humanos devem ser influenciadas por senadora

13/02/2019 | CRIME AMBIENTAL

MPE exige que presidente do Detran e diretores de usina usem tornozeleira

Representação ainda prevê que acusados não frequentem usina e sejam proibidos de deixar o Brasil

13/02/2019 | INVESTIGAÇÃO

CPI da Renúncia e Sonegação Fiscal vai requerer informações sobre morte de empresário

Wilson Santos explica que assim que a CPI for oficializada vai solicitar à Polícia Civil informações sobre o assassinato de Wagner Florêncio Pimentel