Siga-nos nas redes sociais:

Senado aprova obrigação de exame em 30 dias para diagnóstico de câncer

Matéria segue para sanção presidencial 16/10/2019 - 20:53:18

O Senado aprovou nesta quarta-feira (16) o projeto de lei que fixa prazo de 30 dias para a realização de exames de diagnóstico de câncer pelo Sistema Único de Saúde (SUS). A matéria segue para sanção presidencial.

O texto estabelece um limite de até 30 dias para realização dos exames necessários nos casos em que tumores cancerígenos sejam a principal hipótese do médico. O prazo somente será aplicado quando houver solicitação fundamentada do médico responsável. 

O dispositivo altera a lei atual, que estabelece o início do tratamento pelo SUS em no máximo 60 dias a partir do diagnóstico do câncer (Lei 12.732/12). 

O relator da matéria na Comissão de Assuntos Sociais (CAS), senador Nelsinho Trad (PSD-MS), ressaltou que o tempo de identificação da doença impacta no tratamento e na sobrevida do paciente. 

“Casos mais avançados, mesmo que submetidos ao melhor e mais caro tratamento disponível, têm chance muito menor de cura ou de longa sobrevida, quando comparados aos casos detectados e tratados ainda no início. Em resumo, o momento da detecção do câncer impacta decisivamente a sua letalidade, ou seja, o percentual de pessoas acometidas que vêm a falecer por causa da doença”, disse Trad.

O senador citou que estimativas do Instituto Nacional de Câncer (INCA), durante o ano de 2018, indicam que ocorreram 300.140 novos casos de neoplasia maligna entre os homens e 282.450 entre as mulheres. Os últimos dados de mortalidade por câncer disponíveis são que 107.470 homens morreram por ano pela doença e 90.228 mulheres. Segundo Trad, são números realmente expressivos, que geram preocupação nas autoridades sanitárias. 

“Sabe-se que o mais importante gargalo para a confirmação do diagnóstico de câncer está na realização dos exames complementares necessários, em especial dos exames anatomopatológicos, sem os quais não é possível dar início aos regimes terapêuticos estabelecidos”, disse o parlamentar. 

Foto Marcello Casal Jr

Fonte: Ag Brasil

Veja tambem

01/07/2020 | COVID-19 / DECRETO

Decreto 154/2020: toque de recolher, suspensão de aulas, missas e cultos

01/07/2020 | DECISÃO DO STF

Mato Grosso será excluído do cadastro federal de inadimplentes

Na ação, a Procuradoria alegou que a inscrição ocorreu antes da instauração e conclusão da tomada de contas especial

30/06/2020 | APÓS 12 ANOS

Governo inaugura maior penitenciária de Mato Grosso com 1008 vagas

Transferência dos presos se dará aos poucos, por conta da pandemia. Eles têm perfil trabalhador, em cumprimento final da pena

29/06/2020 | LEGISLATIVO / SINOP

Vereadores aprovam 05 matérias durante 19ª Sessão Ordinária

29/06/2020 | APOIO À SAÚDE

Câmara de Cláudia repassa R$ 15 mil para aquisição de equipamentos para o HR de Sinop referência de covid-19

Valor de R$ 480 mil repassados pelas Câmaras destina-se à compra de respiradores e monitores para 10 leitos de utis

26/06/2020 | DRAMA DOS PACIENTES

TCE flagra falta de equipamentos básicos nas UTIs em MT

De 10 hospitais fiscalizados, 8 apresentaram irregularidades

26/06/2020 | ELEIÇÃO 2020

Ex-prefeito João Batista anuncia pré-candidatura a prefeito de Cláudia pelo PSD

Em maio foi a vez do vereador Marciel Ricarte (PSB) anunciar intenção de disputar a cadeira do Executivo

25/06/2020 | AUXÍLIO EMERGENCIAL

Bolsonaro: auxílio deve ter novas parcelas de R$ 500, R$ 400 e R$ 300

Terceira parcela do auxílio emergencial começa a ser paga no sábado

25/06/2020 | DEIXOU O DEM

Dilmar Dal Bosco acerta sua permanência na liderança do Governo na Assembleia

Dilmar alega que não está sendo respeitado pelos dirigentes democratas.

24/06/2020 | COVID-19

Confira lista de municípios com classificação de risco muito alto de contaminação

Indicadores de classificação de risco são atualizados duas vezes por semana e os resultados são divulgados nos Boletins informativos da SES-MT

24/06/2020 | R$ 5,6 MILHÕES

MPE investiga superfaturamento na compra de ambulâncias em MT

Estado comprou 24 ambulâncias com dispensa de licitação

24/06/2020 | COMBATE AO CORONAVÍRUS

Governo altera decreto e recomenda medidas mais restritivas aos municípios

O Decreto nº 532 foi publicado em edição extra do Diário Oficial do Estado desta quarta-feira (24.06)