Siga-nos nas redes sociais:

Secretário de Cidades, Wilson Santos não crê em racha no PSDB

Cabe a nós termos humildade e espírito de coesão para manter o grupo unido. 05/01/2018 - 10:36:38

Uma das principais lideranças do PSDB em Mato Grosso, o ex-prefeito de Cuiabá por dois mandatos e deputado estadual de terceiro mandato, atualmente licenciado para exercer a função de secretário de Cidades, Wilson Santos, não acredita que o PSDB possa caminhar para algum racha político e assim favorecer a oposição. 

Na avaliação de Wilson Santos, as informações de que o PSDB caminharia para uma divisão por conta de interesses políticos distintos do deputado federal Nilson Leitão e do governador Pedro Taques servem para atender meros interesses da oposição que não dispõe de nenhum candidato viável para as eleições de outubro deste ano. 

“A reedição da aliança que elegeu Taques em 2014 é o que os nossos adversários não querem. Porque eles não têm candidatura. A oposição não tem candidatura consistente e está tentando abrir uma dissidência aqui. Eles sonham com alguém da nossa base. Cabe a nós termos humildade e espírito de coesão para manter o grupo unido”, disse. 

Nas últimas semanas, tem se comentado a possibilidade de o ex-prefeito de Cuiabá, empresário Mauro Mendes, aderir ao DEM ou PR e viabilizar uma candidatura ao governo do Estado. No entanto, nos bastidores se comenta que esse projeto vingaria partindo de uma união da base eleitoral do Palácio Paiaguás. 

Até o momento, o único tido como oposicionista é o conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Antônio Joaquim, atualmente afastado do cargo por determinação do Supremo Tribunal Federal (STF) pela suspeita de corrupção, o que lhe impossibilita a filiação partidária que, por imposição da legislação eleitoral, deve ser formalizada até abril após a sua devida aposentadoria. 

O senador Welington Fagundes (PR) já manifestou que não tem interesse em concorrer ao governo do Estado. O PT, timidamente, começou a esboçar uma defesa de candidatura do deputado federal Ságuas Moraes. 

Para Wilson Santos, nenhum destes nomes aparece com chance de vitória. 

“Continuo achando que não tem candidato. Consistente, com musculatura e viável. Esse período que antecipa as convenções é cheio de teses, elucubrações. É natural que isso aconteça e vai acontecer ainda mais. Mas acredito que Taques vai ter habilidade suficiente para manter todos que o levaram à vitória. Com a manutenção do grupo, não vejo dificuldade para vencer as eleições”, afirma. 

Por fim, o tucano diz que o grupo político da situação tem que trabalhar para evitar o retorno do grupo do ex-governador Silval Barbosa. 

“Não é possível devolver o Estado para quem saqueou Mato Grosso. Acho que dentro do ninho cada um tem seu projeto individual, mas vão se curvar ao projeto coletivo. Mato Grosso precisa continuar mudando, não podemos permitir que o grupo que governou o Estado há pouco tempo volte. O grande desafio é esse”, concluiu.

Fonte: Diário de Cuiabá

Veja tambem

16/01/2018 | POLÍTICA DENÚNCIAS

MPF diz que Temer poderá ser responsabilizado por ilícitos na Caixa

Presidente da República não atendeu à recomendação de afastar os vice-presidentes do banco

16/01/2018 | SAÚDE

Governo nega dívida e explica relação do Estado com hospitais filantrópicos

O assunto foi abordado durante uma visita à obra da Escola Técnica Estadual de Cuiabá

15/01/2018 | POLITICA / CRIME

Silval destaca espírito colaborador e não estranha condenação: “decisão judicial é eles que comandam”

O depoimento ocorreu na Controladoria Geral do Estado, obedecendo pedido do próprio político.

15/01/2018 | EXERCÍCIO 2016

AL coloca contas de Taques em votação e base vai pedir vistas

Governador do Estado quer ganhar tempo para pagar parte das emendas impositivas até fevereiro

15/01/2018 | AGORA É OFICIAL

Taques confirma ex-secretário de Mauro para comandar o Detran de MT

Thiago França estava como assessor especial na Secretaria de Cidades

15/01/2018 | ELEIÇÕES 2018

PP admite Maggi candidato a vice-presidente

Secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Neri Geller, no entanto, também aponta para Maggi como o nome do partido para a disputa presidencial.

13/01/2018 | ELEIÇÃO 2018

PT intensifica mobilização com atos de apoio à possibilidade da candidatura de Lula

Lula é o favorito nas intenções de voto para a Presidência da República em 2018. Eventual condenação em segunda instância pode complicar planos de candidatura do petista à Presidência

13/01/2018 | PSDB/2018

Taques diz que Leitão é ótimo candidato ao Senado e nega existirem divergências no ninho tucano

Os rumores existem por conta das articulações visando às eleições de outubro.

12/01/2018 | CONCESSÕES

Deputado Nininho destaca a importância do novo sistema de linhas intermunicipais

Com passagens mais baratas e uma frota nova de ônibus convencional e leito, Mato Grosso avança na qualidade dos serviços de transporte terrestre nas regiões de Rondonópolis e Alta Floresta.

12/01/2018 | COMPROMISSO

Taques afirma que honrou todos reajustes de servidores

12/01/2018 | RUMO 2018

Possíveis candidatos à presidência apostam em vídeos para impactar o público nas redes sociais

Lula, Bolsonaro, Doria e Alckmin foram os que mais interagiram por meio do Facebook, diz pesquisa

12/01/2018 | PORTA-VOZ

Governador espera que Dilmar siga na liderança e evita falar sobre substitutos; Max lembra do vice

Uma reunião deve ser agendada na próxima segunda (15) para tratar do assunto.