Siga-nos nas redes sociais:

PT intensifica mobilização com atos de apoio à possibilidade da candidatura de Lula

Lula é o favorito nas intenções de voto para a Presidência da República em 2018. Eventual condenação em segunda instância pode complicar planos de candidatura do petista à Presidência 13/01/2018 - 18:20:07

O PT organizou mobilizações em pelo menos oito capitais do país neste sábado (13), em apoio ao ex-presidente Lula, que será julgado em segunda instância no próximo dia 24. A sigla realizou mobilizações em torno de inaugurações dos “Comitês Populares em Defesa da Democracia e do Direito de Lula ser Candidato”. De acordo com reportagem do jornal O Globo, o PT já havia lançado, até o início da tarde de hoje, pelo menos 6 mil comitês pelo Brasil. As manifestações aconteceram nas capitais de Minas Gerais, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Goiás, Bahia e Rondônia.

O Diretório Nacional da sigla, em São Paulo, recebeu uma faixa gigante com a foto de Lula e a frase “eleição sem Lula é fraude”. Durante o ato, o vice-presidente da sigla Alexandre Padilha afirmou que o presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), deveria ser “mais cauteloso”.

Carlos Eduardo Thompson Flores afirmou ontem (sexta,12), que estava apreensivo com possíveis ataques no dia 24. Thompson Flores recebeu uma comitiva de petistas ontem para discutir as manifestações de apoio a Lula e afirmou que juízes estão sendo ameaçados. Padilha afirmou que uma investigação deveria ser aberta e que o PT é o mais interessado em saber quem são os autores das ameaças, informa a Folha de S. Paulo. Em Porto Alegre, a manifestação recebeu a presidente da sigla, a senadora Gleisi Hoffmann (PR).

Em apoio à possibilidade de que Lula concorra, o Psol divulgou uma  nota na tarde deste sábado e e a pré-candidata do PCdoB, a deputada estadual Manuela D’Ávila (RS) participou do ato realizado em Porto Alegre. Outras manifestações de apoio a Lula estão marcadas para a próxima terça-feira (16), no Rio de Janeiro e na quinta (18), em São Paulo.

Contra

Manifestações contra Lula também estão agendadas. O grupo Vem Pra Rua organizou atos pedindo a condenação do ex-presidente em pelo menos 10 capitais na véspera do julgamento. O movimento afirma que a eventual confirmação da condenação do petista ”será o maior símbolo do fim da impunidade no Brasil, atestando que a Justiça no país, de fato, funciona igualmente para todos, independentemente de cargo, influência, poder ou dinheiro”.

Manifestações de grupos pró e contra Lula são esperadas por todo o país. Em Porto Alegre, sede do TRF-4, uma caravana de militantes pró-Lula prepara ato de apoio ao petista. Em Porto Alegre, sede do TRF-4, o clima é de expectativa e tensão após o pedido do prefeito, Nelson Marchezan Filho (PSDB), para que efetivos das Forças Armadas fossem enviados para fazer a segurança na cidade para o julgamento. O pedido de Marchezan foi criticado pelo governo estadual, que considerou a medida desproporcional. A presença do Exército também foi descartada pelo Ministério da Defesa, que considerou a medida ilegal.

Day-after

Os petistas já decretaram que, mesmo que o Tribunal confirme a condenação, o ex-presidente Lula será o candidato da sigla à Presidência da República. A previsão é que sua pré-candidatura seja anunciada logo após a decisão da Corte, ignorando qualquer que seja o resultado.

“A gente tem sido bastante enfático em afirmar que o PT não apresentará qualquer outro nome como candidato. Não existe nenhuma relação entre qualquer decisão que seja tomada na Justiça e a inscrição da candidatura do presidente Lula”, ressaltou o novo líder do PT na Câmara, deputado Paulo Pimenta (PT-RS).

Fonte: Congresso em foco

Veja tambem

21/06/2018 | TORIXORÉU-MT

Ex-prefeito, marido de prefeita é preso em operação da PF contra desvio de dinheiro em MT

Odoni Mesquita Coelho é acusado de fraudar licitação durante a gestão dele. Também foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão no município.

20/06/2018 | REUNIÃO TÉCNICA

Sine debate políticas para a inserção do menor jovem aprendiz no mercado de trabalho

O evento está marcado para a amanhã, quinta-feira, 21, às 14h, no centro de eventos da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL).

20/06/2018 | MÁQUINA PÚBLICA

Leitão consegue assinaturas suficientes para PEC do corte de gastos

A PEC do corte de gastos públicos não se restringe a reduzir o número de integrantes do Legislativo, mas também reduzira a verba indenizatória dos deputados federais, estaduais e vereadores.

20/06/2018 | EMENDA PARLAMENTARES

Governador se reúne com prefeitos e ouve demandas dos municípios

Taques pediu que os prefeitos pontuassem as prioridades de suas administrações, uma vez que os recursos serão disponibilizados conforme o fluxo de caixa do Estado.

20/06/2018 | FORO MANTIDO

TJ cita processo na reta final e nega "descer" ação contra deputado de MT

Romoaldo Junior responde por desvio de dinheiro e falsidade ideológica enquanto prefeito de Alta Floresta

19/06/2018 | INVESTIMENTO

Grupo internacional deve investir R$ 18 milhões em MT

Em 2016, o grupo lançou em Cuiabá uma plataforma de sustentabilidade em que o consumidor poder saber o local exato da produção da carne e as condições

19/06/2018 | PLANEJAMENTO

Sinop será sede para a Reunião Técnica de todos os Procons de Mato Grosso

19/06/2018 | QUEBRADO BILIONÁRIO

Taques compara que Mauro deve mais que MT e "comunga" com roubalheira de Silval

Tucano ainda lamentou o fato de ex-prefeito dever para 800 trabalhadores

18/06/2018 | DESVIOS NO ESTACIONAMENTO

TCE conclui julgamento sobre fraudes na AL

16/06/2018 | TRANSPORTE ESCOLAR

Prefeita Rosana entrega uniformes para profissionais do Transporte Escolar

15/06/2018 | R$ 36 MILHÕES

Governo destinará 20% do Fundo da Saúde aos hospitais filantrópicos

Destinação foi confirmada pelo governador em encontro com diretores das unidades

14/06/2018 | CONDENADOS NA LAVA JATO

STJ rejeita liberdade de Lula para participar de campanha

Ministro Felix Fischer negou liberdade até o julgamento do mérito de recurso no processo do tríplex do Guarujá