Siga-nos nas redes sociais:

Pesquisa Datafolha: Bolsonaro, 24%; Ciro, 13%; Marina, 11%; Alckmin, 10%; Haddad, 9%

Alvaro Dias (Podemos), João Amoêdo e Henrique Meirelles (MDB) têm 3% cada um; Guilherme Boulos (PSOL), Vera (PSTU) e Cabo Daciolo (Patri), 1% cada um. João Goulart Filho (PPL) e Eymael (DC) não pontuaram. 10/09/2018 - 20:25:32

O Datafolha divulgou nesta segunda-feira (10) uma nova pesquisa de intenção de voto para presidente da República. É o primeiro levantamento do instituto desde que o Tribunal Superior Eleitoral rejeitou a candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva à Presidência.

Lula está preso em Curitiba, condenado a 12 anos de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro.

O Datafolha pesquisou o cenário em que o nome de Fernando Haddad, candidato a vice-presidente pelo PT, aparece como possível substituto de Lula na chapa.

O nível de confiança da pesquisa é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem a realidade, considerando a margem de erro, que é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos.

Vamos aos números:

Jair Bolsonaro (PSL): 24%
Ciro Gomes (PDT): 13%
Marina Silva (Rede): 11%
Geraldo Alckmin (PSDB): 10%
Fernando Haddad (PT): 9%
Alvaro Dias (Podemos): 3%
João Amoêdo (Novo): 3%
Henrique Meirelles (MDB): 3%
Guilherme Boulos (PSOL): 1%
Vera Lúcia (PSTU): 1%
Cabo Daciolo (Patriota): 1%
João Goulart Filho (PPL): 0%
Eymael (DC): 0%
Branco/nulos: 15%

Não sabe/não respondeu: 7%

Em relação ao levantamento anterior do instituto, divulgado em 21 de agosto:

Jair Bolsonaro oscilou, dentro da margem de erro, de 22% para 24% (com a margem de erro, tem de 22% a 26%);
Ciro Gomes tinha 10%, agora tem 13% (pela margem de erro, de 11% a 15%);
Marina Silva estava com 16%, agora caiu para 11% (com a margem de erro, tem de 9% a 13%);
Geraldo Alckmin tinha 9%, agora, 10% (com a margem de erro, de 8% a 12%);
Ciro, Marina e Alckmin estão tecnicamente empatados.

Fernando Haddad tinha 4%, agora cresceu para 9% (com a margem de erro, de 7% a 11%);
Fernando Haddad também está tecnicamente empatado, no limite da margem de erro, com Ciro, Marina e Alckmin.

Álvaro Dias tinha 4%, agora tem 3% (com a margem de erro, de 1% a 5%);
João Amoêdo tinha 2%, agora, 3% (com a margem de erro, de 1% a 5%);
Henrique Meirelles também tinha 2%, agora 3% (com a margem de erro, de 1% a 5%);
Os três (Dias, Amoêdo e Meirelles) estão empatados.

Guilherme Boulos, Vera Lúcia e Cabo Daciolo tinham 1% cada um e mantiveram 1% (com a margem de erro, têm de 0% a 3%);
João Goulart Filho tinha 1%, agora, 0% (com a margem de erro, tem de 0% a 2%);
Votos brancos e nulos somavam 22%, agora, 15%.
Não responderam ou não quiseram opinar eram 6%, agora, 7%.

Simulações de segundo turno

Marina 43% x 37% Bolsonaro (branco/nulo: 18%; não sabe: 2%)
Ciro 39% x 35% Alckmin (branco/nulo: 23%; não sabe: 3%)
Alckmin 43% x 34% Bolsonaro (branco/nulo: 20%; não sabe: 3%)
Marina 38% x 37% Alckmin (branco/nulo: 23%; não sabe: 2%)
Ciro 45% x 35% Bolsonaro (branco/nulo: 17%; não sabe: 3%)
Alckmin 43% x 29% Haddad (branco/nulo: 25%; não sabe: 3%)
Haddad 39% x 38% Bolsonaro (branco/nulo: 20%; não sabe: 3%)
Ciro 41% x 35% Marina (branco/nulo: 22%; não sabe: 2%)
Marina 42% x 31% Haddad (branco/nulo: 25%; não sabe: 3%)

Sobre a pesquisa

Margem de erro: 2 pontos percentuais para mais ou para menos
Entrevistados: 2.804 eleitores em 197 municípios
Quando a pesquisa foi feita: 10 de setembro
Registro no TSE: BR 02376/2018
Nível de confiança: 95%
Contratantes da pesquisa: TV Globo e "Folha de S.Paulo"

Fonte: Por G1, Brasília

Veja tambem

21/01/2019 | AÇÃO CIVIL

Deputado é acusado de fraude em obra de condomínio; secretário é testemunha

Fraudes teriam ocorrido no período em que José Domingos Fraga foi prefeito de Sorriso

21/01/2019 | EDUCAÇÃO

Matrículas para alunos da Educação Infantil serão abertas nesta quarta (23)

19/01/2019 | ECONOMIA EVENTO

Bolsonaro irá ao Fórum Econômico Mundial defender reformas

Bolsonaro desembarca em Davos na próxima segunda-feira (22), onde participará do Fórum Econômico Mundial

18/01/2019 | ECONOMIA SINOP-MT

Grupo Pão de Açúcar manifesta interesse em investir em Sinop

O grupo aponta a quadra onde se situa o estádio Gigante do Norte como favorável aos planos de expansão.

18/01/2019 | AGENDA EM MATO GROSSO

Presidente da Câmara garante celeridade no FEX e quer votos de toda bancada de MT

Rodrigo Maia, porém, evita associar ação em prol de Mato Grosso ao voto dos deputados

18/01/2019 | INFRAESTRUTURA

Martinelli visita obras estruturantes do município

A primeira visita foi na obra de tubulação e fechamento da vala na avenida das Itaúbas

17/01/2019 | INFRAESTRUTURA

Prefeita de Sinop recebe técnicos do BNDES e discute liberação de recursos para obras

Rosana Martinelli determinou à equipe de governo prioridade na finalização dos planos de trabalho.

16/01/2019 | PEDIDO DE MENDES

Assembleia aprova urgência para projetos do novo Fethab e RGA

Dilmar Dal’Bosco critica criação de audiências para discutir pacotão do governador Mauro Mendes

16/01/2019 | MAIS ARRECADAÇÃO

Novo Fethab garantirá retomada de obras e manutenção de rodovias em MT

Proposta enviada pelo Governo do Estado à ALMT será utilizada para tocar programas de financiamento que contemplam a área de Infraestrutura

16/01/2019 | JANEIRO ROXO

Novos casos de hanseníase são diagnosticados durante mutirão em Sinop

O tratamento é todo gratuito, os médicos são especializados para atender a população.

16/01/2019 | CRISE ECONÔMICA

Governador vai a Brasília apresentar situação de Mato Grosso e estuda decretar estado de calamidade financeira

Na busca de soluções para a grave crise financeira, Mauro Mendes estará nos ministérios e no Banco do Brasil nesta quarta-feira (16.01).

15/01/2019 | POLITICA / SAÚDE

MT Saúde paga 95% da dívida com a rede ativa; nova presidente assume

O governador Mauro Mendes (DEM) definiu que Misma Thalita dos Anjos Coutinho será a nova presidente do Mato Grosso Saúde.