Siga-nos nas redes sociais:

No horário eleitoral, sete presidenciáveis terão “tempo de Enéas”

Um dos candidatos ao Planalto com menos de 15 segundos é Jair Bolsonaro (PSL), líder nas pesquisas no cenário em que o Lula não é incluído 07/08/2018 - 08:06:12

A eleição presidencial terá sete candidatos com “padrão Enéas” de propaganda, ou seja, com menos de 15 segundos para pedir votos em cada bloco do horário eleitoral fixo. Um deles é o deputado Jair Bolsonaro (PSL), líder nas pesquisas no cenário em que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), condenado e preso na Operação Lava Jato, não é incluído.

Também estão nessa situação Guilherme Boulos (PSOL), Cabo Daciolo (Patriota), José Maria Eymael (DC), Vera Lúcia (PSTU), João Goulart Filho (PPL) e João Amoêdo (Novo).

Na campanha presidencial de 1989, o então candidato Enéas Carneiro (Prona) se notabilizou como o mais caricato dos chamados “nanicos” por falar de forma rápida na TV e concluir sempre seus discursos, aos gritos, com o bordão “Meu nome é Enéas!”.

As regras de distribuição destinaram aos candidatos do PSDB, do PT e do MDB cerca de 85% do tempo de propaganda. O tucano Geraldo Alckmin, por formar a coligação que elegeu mais deputados na eleição anterior, terá a maior fatia: cerca de 5 minutos e meio em cada bloco de 12 minutos e 30 segundos. A seguir vêm Lula (2 minutos e 20 segundos) e o ex-ministro da Fazenda Henrique Meirelles (MDB), com quase 2 minutos.

Até 2014, os partidos pequenos tinham acesso privilegiado à propaganda na TV – desproporcional a seu número de votos – por causa de uma regra na legislação que determinava que um terço do horário eleitoral fosse dividido igualmente entre todos os candidatos a cargos executivos. Os outros dois terços eram rateados de acordo com o tamanho das bancadas dos partidos ou coligações na Câmara dos Deputados.

Pelas regras atuais, porém, apenas 10% do tempo é dividido igualmente entre os candidatos, em vez de 33%. Os outros 90% são rateados proporcionalmente ao número de deputados eleitos. Apenas os seis maiores partidos de uma coligação são considerados nos cálculos.

Bolsonaro deve ter 9 segundos no horário fixo, 40% a menos que Enéas em 1989. O tempo é suficiente para dizer o total de palavras deste parágrafo – sem pausa para respirar.

Inserções A desvantagem do candidato do PSL ao Palácio do Planalto também salta aos olhos quando se avalia a distribuição das inserções – peças publicitárias de 30 segundos que são divulgadas ao longo de todo o dia, em meio à propaganda comercial exibida pelas emissoras. Enquanto Alckmin poderá exibir 364 inserções nos 35 dias de propaganda, Bolsonaro terá apenas 10 à sua disposição – menos de uma inserção a cada três dias.

Embora não estejam no bloco dos “Enéas”, as coligações encabeçadas pelo senador Alvaro Dias (Podemos), pelo ex-ministro e ex-governador Ciro Gomes (PDT) e pela ex-senadora Marina Silva (Rede) não estão em posição muito confortável no chamado palanque eletrônico. Os dois primeiros terão cerca de um décimo do tempo de Alckmin, e a terceira, menos ainda.

Fonte: Metrópoles

Veja tambem

16/02/2019 | SORRISO-MT

Governador destaca que Fethab proporcionará maior investimento em infraestrutura no Estado

Somente este ano, 40% do fundo, que significam R$ 600 milhões, serão destinados exclusivamente para a Secretaria de Infraestrutura e Logística (Sinfra).

16/02/2019 | SAÚDE INDÍGENA

Bolsonaro destaca uso de helicóptero no serviço a índios no Amazonas

A aeronave vai apoiar as equipes médicas da saúde indígena

16/02/2019 | CONTENÇÃO DE GASTO

Governo estabelece meta de redução de despesa em 20%

Esse percentual deverá ser reduzido do menor valor mensal liquidado ou demandado nos últimos seis meses por todas as instituições estaduais.

16/02/2019 | CRISE

Prefeitos do Nortão se reúnem com o governador e pedem melhorias na Saúde

Mauro Mendes reúne o chefe da Casa Civil Mauro Carvalho e prefeitos do Nortão, como Rosana Martinelli e Binotti

15/02/2019 | HABITAÇÃO

Prefeitura divulga lista de pré-aprovados para o residencial Nico Baracat

Mil e oitenta e duas pessoas constam nesta primeira relação apresentada pelo poder público municipal.

15/02/2019 | TRIBUNAL DE JUSTIÇA

Tribunal nega recurso de Mauro Savi e do ex-prefeito de Sinop em ação do Ministério Público

Ex-deputado é acusado de ter se apropriado de dinheiro público em Sinop

14/02/2019 | POLITICA

Após definir idade mínima da aposentadoria, Guedes volta para o Rio

O ministro cancelou a agenda que tinha na Procuradoria-Geral da República (PGR) para discutir detalhes da proposta e foi a sua cidade

14/02/2019 | AGRONEGÓCIO

Deputados requerem registro de Frente Parlamentar do Agronegócio

Proposta apresenta o deputado Dilmar Dal Bosco como coordenador-geral e busca aprimorar a legislação

14/02/2019 | EM BRASILIA

Secretário de Saúde participa de reunião nacional em busca de práticas positivas para MT

Congresso reuniu integrantes do Conselho Nacional dos Secretários de Saúde (Conass) nesta quarta-feira (13) para discutir eficiência da saúde pública.

14/02/2019 | SENADO

Selma é titular de 5 comissões e afirma que a escolha é estratégica para o PSL

Decisões sobre Direitos Humanos devem ser influenciadas por senadora

13/02/2019 | CRIME AMBIENTAL

MPE exige que presidente do Detran e diretores de usina usem tornozeleira

Representação ainda prevê que acusados não frequentem usina e sejam proibidos de deixar o Brasil

13/02/2019 | INVESTIGAÇÃO

CPI da Renúncia e Sonegação Fiscal vai requerer informações sobre morte de empresário

Wilson Santos explica que assim que a CPI for oficializada vai solicitar à Polícia Civil informações sobre o assassinato de Wagner Florêncio Pimentel