Siga-nos nas redes sociais:

Mendes confirma o favoritismo e se elege com folga ao Governo

Ex-prefeito de Cuiabá assume o Paiaguás em janeiro; é a primeira vez que um governador não se reelege 07/10/2018 - 19:26:07

O ex-prefeito de Cuiabá Mauro Mendes (DEM) é o novo governador de Mato Grosso. Com 92,42% dos votos apurados, ele tem 58,81% dos votos válidos.  

Em segundo lugar aparece o senador Wellington Fagundes (PR) com 19,58%, seguido do governador Pedro Taques (PSDB), com 18,89%. Os candidatos Arthur Nogueira (Rede) e Moisés Franz (Psol) têm 1,71% e 1,01%, respectivamente.  

A vitória de Mendes é uma das mais expressivas em Mato Grosso nos últimos anos. Sua votação é a maior desde 2002, quando Blairo Maggi venceu com 65,39%.  

Esta é a primeira vez na história que um governador no exercício do mandato não consegue se reeleger.  

Mauro Mendes Ferreira é goiano de Anápolis. Filho de trabalhadores rurais, ele nasceu no dia 12 de abril de 1964.  

Mudou-se para Cuiabá aos 16 anos para cursar Engenharia Elétrica na Universidade Federal de Mato Grosso. 

Durante o período na UFMT, militou no movimento estudantil, sendo presidente do Diretório Central dos Estudantes (DCE) de 1984 a 1985.  

Entrou formalmente na política em 2008, quando, com o apoio do então governador Blairo Maggi, tentou se eleger prefeito de Cuiabá, sendo derrotado por Wilson Santos, que conseguiu a reeleição.  

Mendes voltaria a se candidatar – e a perder - em 2010, quando disputou o Executivo estadual contra o governador na época Silval Barbosa.  

Mendes seria enfim eleito prefeito de Cuiabá em 2012. Cumpriu os 4 anos de gestão e deixou a Prefeitura com a aprovação de 81% da população. Em 2016, causou grande surpresa ao desistir de uma reeleição quase certa, o permitiu especulações de que iria se candidatar ao Governo em 2018. 

Além de atuar na política partidária, foi presidente da Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso (Fiemt), do Sesi e Senai no período de 2007 a 2010, chegando a ser vice-presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI).  

Empresário, fundou a empresa Bimetal Indústria Metalúrgica Ltda. em 1989, que se transformou no Grupo Bipar, composto por outras empresas.

Ele é pai de três filhos (Ana Carolinne, Luis Antônio e Maria Luíza) e esposo da economista e empresária Virgínia Mendes.

Fonte: Mídia News

Veja tambem

25/05/2019 | NEGOCIAÇÃO TRAVADA

Estado usa alertas do TCE e MPE para barrar reajustes aos professores

Órgãos ameaçam até denunciar governador por crime de responsabilidade caso conceda aumentos

24/05/2019 | NA FIEMT

Governador apresenta números do Estado a empresários e afirma que todos terão que dar sua parcela de contribuição

Mauro Mendes ressaltou que o Estado precisa ser um "indutor de crescimento"

24/05/2019 | LEI INCONSTITUCIONAL

Em razão da decisão do TJMT, Ícaro abre mão da verba indenizatória

Além de protocolar um projeto que extingue a verba indenizatória em Sinop, Ícaro abriu mão de receber o recurso

24/05/2019 | POLITICA

Dilmair cobra em Cuiabá a conclusão de escolas e mais viaturas para a Polícia Militar

23/05/2019 | EDUCAÇÃO

Centro Educacional realiza exposição em homenagem a Mato Grosso

23/05/2019 | OPINIÃO/POLÍTICA

3 nomes se destacam em enquete eleitoral do município de Cláudia

Daniel, Fernando e Marciel conquistaram 97,99% dos votos

22/05/2019 | "SULTÃO" E CAIXA 2

Delator diz que Taques gastou R$ 7 milhões de caixa 2 em 2014

Alan Malouf, já condenado à prisão, também disse que ex-governador é o "sultão"

21/05/2019 | AGRICULTURA FAMILIAR

Cooperativa procura produtores rurais de Sinop para formar parceria

21/05/2019 | SAÚDE PÚBLICA:

Leonardo Visera quer tornar obrigatória a emissão de receituários médicos digitados em computador

Todos os consultórios, clínicas, postos de saúde ou UBS's público e privados, deverão se submeter à lei.

20/05/2019 | LEI 616/2001

Secretaria inicia fiscalização de anúncios publicitários instalados irregularmente em Sinop

20/05/2019 | SINOP-MT

Sinop é terceiro município polo a receber o Programa Gestão Eficaz em 2019

20/05/2019 | ABRINDO VAGAS

Hospital Regional de Sinop contratará 80 profissionais e abrirá 12 leitos

Desta forma, o Estado ficará responsável por pacientes de alta complexidade, enquanto o município atenderá casos de baixa e média complexidades.