Siga-nos nas redes sociais:

Empresa denuncia direcionamento em licitação de R$ 1,5 mi em MT

Prefeita Rosana Martinelli e secretária de Educação terão que explicar certame 15/09/2019 - 16:54:24

Conselheiro interino do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Luiz Carlos Pereira convocou a prefeita de Sinop (distante 480 quilômetros de Cuiabá), Rosana Tereza Martinelli, e sua secretária de Educação, Veridiana Paganotti, a se manifestarem num prazo de 48 horas, a partir do recebimento da notificação, quanto às alegações da empresa Ekipsul Comércio de Produtos e Equipamentos Eireli-EPP sobre supostos direcionamento e ilegalidades presentes num pregão eletrônico de estimados R$ 1,450 milhão para compra de 100 tablets para a rede municipal de ensino.

De acordo com ele, não é possível conceder a liminar de suspensão do citado processo licitatório (pregão eletrônico número 052/2019, para compra de “plataformas digitais interativas multidisciplinares touch screen”) baseado apenas nas aduções de que a descrição técnica do edital da licitação contém especificações que demonstram o direcionamento do certame para aquisição de mesa digital da marca PlayTable, da empresa PlayMove, em ofensa ao caráter competitivo do certame licitatório resguardado pelo inciso I do parágrafo primeiro,  artigo terceiro, da Lei nº 8.666/1993.

O conselheiro também diz que a Representação de Natureza Externa interposta trata-se de matéria de competência do TCE e que o relato está acompanhado de indícios dos fatos apresentados. Além disso, o representante também é parte legítima e que o objeto versa sobre matéria ainda não submetida à análise do pleno porque debruçou-se ao julgamento de outro processo.

Afirmou nos autos que não há como julgar medida cautelar nesta fase processual, sob pena de invasão à matéria de mérito em momento inapropriado, mas entendeu como presentes os indícios de direcionamento na “forma como o edital foi apresentado”. Isso porque a análise da concessão de liminares é limitada ao exame dos requisitos que a autorizem e que estejam previstos em alguma parte do artigo 82 da Lei Orgânica do TCE, sobre impossibilidade de reverter os efeitos de alguma decisão.

“À primeira vista, entendo ser prudente adiar a análise da providência cautelar para outro momento processual, qual seja, após a prévia manifestação das Gestoras responsáveis pelo processo licitatório sob exame, no intuito de dispor de mais elementos para formulação de um juízo seguro acerca da matéria. Destaco que a presente decisão não importa no indeferimento da medida cautelar pretendida, mas apenas posterga a sua apreciação até o advento da manifestação das Responsáveis. Demais disso, é certo que o adiamento da apreciação da cautelar não gerará prejuízos irreparáveis a representante ou à administração municipal, na medida em que a nulidade da licitação, caso venha a ser declarada posteriormente, refletirá   sobre   os   atos subsequentes a ela, tal como a adjudicação e contratos porventura celebrados”, explicou o interino.

Por: RODIVALDO RIBEIRO

Fonte: Folha Max

Veja tambem

02/06/2020 | INCUMBÊNCIA DOS PREFEITOS

Governo delega a cada município a decisão sobre aulas nas escolas particulares

Decisão foi tomada pelo governador Mauro Mendes, que acatou sugestão dos deputados Dilmar Dal Bosco e Xuxu Dal Molin

01/06/2020 | LEGISLATIVO / SINOP

Vereadores votam 34 proposituras durante 15ª Sessão Ordinária

Todas essas matérias foram aprovadas por unanimidade e encaminhadas para as respectivas pastas.

01/06/2020 | FLEXIBILIZAÇÃO

MT retoma 90% das atividades econômicas e arrecadação inicia recuperação

Mauro Mendes deu uma entrevista à CNN na última sexta-feira

31/05/2020 | EDUCAÇÃO

Sinop: Retorno de aulas em escolas municipais é adiado

A decisão da Prefeitura de Sinop não influencia a rede particular de educação, que vem retomando suas aulas

31/05/2020 | CONEXÃO JBS

Três ex-governadores são investigados pela PF em MT

Blairo Maggi, Silval Barbosa e Pedro Taques são suspeitos de caixa 2

29/05/2020 | SAÚDE

Prefeitura adquire camas e colchões para UPA e Hospital de Campanha

29/05/2020 | ASFALTO É SAÚDE

Câmara faz reunião e defende acordo para retomada de asfalto no Alto da Glória

O asfaltamento de parte do bairro Alto da Glória faz parte do pacote de R$ 99 milhões do financiamento do Finisa autorizado pela Câmara Municipal no ano passado.

29/05/2020 | COVID-19

MT vai aumentar de 796 para 1.148 a capacidade de testes diários

Na primeira quinzena de junho, a capacidade ainda deve ser aumentada para 1.148 amostras por dia, podendo chegar a 2.946 no próximo mês

29/05/2020 | PROGRAMA FEDERATIVO

Veja quanto cada município receberá de 'auxílio emergencial' do governo federal

Sinop será a 4° cidade mais beneficiada em Mato Grosso com R$ 39,449 milhões.

28/05/2020 | MT-220

Investimentos previstos para concessão da MT-220 somam R$ 267 milhões

Devem ser concedidos à iniciativa privada 138,4 quilômetros da MT-220, entre Tabaporã e Sinop

28/05/2020 | LEITOS DA COVID

MT acusa Cuiabá de impedir fiscalização em UTIs para Covid e vai a Justiça

Auditagem é importante para município ter acesso a recursos federais

27/05/2020 | COMBATE A FAKE NEWS

Marcelo Stachin nega ter ameaçado STF: "estão deturpando apoio a Bolsonaro"

Marcelo é investigado de disseminar fake news contra membros da Suprema Corte