Siga-nos nas redes sociais:

Advogados entram com ações para impedir posse de Cristiane Brasil

Filha de Roberto Jefferson, presidente do P*TB, foi indicada ao Ministério do Trabalho 07/01/2018 - 20:13:38

A indicação da deputada Cristiane Brasil (PTB - RJ) para o Ministério do Trabalho continua gerando indignação. Neste domingo (7), membros do Movimento dos Advogados Trabalhistas Independentes (Miti) deram início a uma série de ações populares na Justiça Federal do Rio de Janeiro para impedir a nomeação da filha do presidente do PTB e ex-deputado Roberto Jefferson, marcada para esta terça-feira (9).

Carlos Alberto Patrício de Souza, advogado de Leonardo Eugênio de Almeida Moreira, um dos motoristas que processou Cristiane Brasil, por não ter carteira assinada, diz que a base dos casos é uma só: "o princípio da moralidade. Se ela infringe as leis trabalhistas, não pode ser ministra do Trabalho", acusou ao jornal O Globo.

+ Temer volta a Brasília depois de passar fim de semana em São Paulo

Conforme Souza, o grupo decidiu entrar com ações em várias comarcas por uma questão de segurança. "Se uma indeferir, pode ser que outra aceite (a liminar que pede a suspensão da posse)", detalhou.

O advogado contou ainda que os processos podem chegar até outros estados. "Se perdermos, vamos entrar com ações no Brasil inteiro, como aconteceu no caso do Lula", lembrou, citando o precedente de quando o ex-presidente foi nomeado pela presidente afastada Dilma Rousseff para a Casa Civil e acabou tendo a posse suspensa.

A acusação de descumprimento da lei trabalhista não é a única que recai sobre Cristiane Brasil. De acordo com O Globo, as 10 parcelas de R$ 1.400 que compõe o acordo feito entre a futura ministra do Trabalho e Moreira estão sendo transferidos da conta de uma funcionária do gabinete dela.

"Esta nomeação é um deboche contra milhões de trabalhadores brasileiros, que têm seus direitos trabalhistas, hoje, ameaçados por uma reforma que Cristiane Brasil ajudou a aprovar. Mas o pior de tudo é a nomeação para ministra do Trabalho de uma cidadã que não observou os direitos trabalhistas mais elementares de dois de seus empregados", criticou o Sindicato dos Advogados do Rio de Janeiro, na última semana. Na ocasião, ela se defendeu afirmando que "ambas as as acusações são injustas". 

Fonte: NOTICIAS AO MINUTO

Veja tambem

21/09/2018 | ELEIÇÕES 2018

Líderes da Região Coxipó declaram apoio a Nilson Leitão ao Senado

20/09/2018 | POLÍTICA ATAQUE

PF pede prorrogação de inquérito sobre facada em Bolsonaro

Segundo a corporação, o objetivo é ir atrás de elementos probatórios que confirmem a autoria do crime por parte de Adélio Bispo de Oliveira

20/09/2018 | SELMA

MPE autoriza candidatura de Selma, mas quer proibir o uso de 'juíza'

Impugnação será julgada pelo Pleno do órgão no dia 24 de setembro.

19/09/2018 | DIAP

Nilson Leitão aparece entre os 12 novos 'cabeças' da Câmara Federal

19/09/2018 | FARMÁCIA SOLIDARIA

Célio Garcia homenageia idealizadores da Farmácia Solidária com moção de aplausos

O projeto disponibiliza mendicamentos sem nenhum custo para a população de baixa renda com receita médica

19/09/2018 | SINOP-MT

Leonardo Visera quer padronização de rotatórias para organizar trânsito em Sinop

Visera quer a implantação de tartarugas no traçado que divide a via, para evitar acidentes.

19/09/2018 | CLAUDIA-MT

Cláudia investe em empresa de assessoria educacional para melhorar ainda mais o IDEB

A empresa referência nacional em educação realizou diversas palestras e diagnostico do município para a reorganização da gestão educacional

19/09/2018 | OLIMPÍADA

Em noite de festa, craques da matemática das escolas municipais são premiados

Ao todo, estudantes do 5º ao 8º anos de Ensino Fundamental de dez escolas municipais de Educação Básica (EMEB) participaram da Olimpíad

18/09/2018 | ELEIÇÕES 2018

Ibope: Bolsonaro tem 28%; Haddad, 19% e Ciro, 11%

Alckmin aparece com 7% e Marina Silva, com 6%

18/09/2018 | VICE-PRESIDENTE

"Nilson será meu sucessor no Senado", aponta Ana Amélia

17/09/2018 | DEBATE TBO

Nilson destaca representatividade, combate à corrupção e enxugamento da máquina pública

17/09/2018 | INCLUSÃO

Seminário da Educação Especial confirmado entre os dias dias 24 e 28 deste mês