Siga-nos nas redes sociais:

Putin: crise com Coreia do Norte pode levar a 'catástrofe' mundial

"Uma histeria militar não faz nenhum sentido. Tudo isso pode levar a uma catástrofe planetária e a um grande número de vítimas", afirmou o presidente russo 05/09/2017 - 17:56:56

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse nesta terça-feira (5) que se criou uma "histeria militar" em relação à Coreia do Norte que pode levar a uma "catástrofe planetária com um grande número de vítimas".

No domingo (3), Pyongyang voltou a preocupar a comunidade internacional ao realizar o seu sexto teste nuclear, afirmando ter explodido com sucesso uma bomba de hidrogênio.

Putin, que participa na China da reunião da cúpula anual dos Brics -grupo formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul- afirmou que o governo russo condena os exercícios norte-coreanos, mas que a aplicação de novas sanções a Pyongyang é "inútil e ineficaz".

+ China faz testes com mísseis na fronteira com península coreana

"Uma histeria militar não faz nenhum sentido. Tudo isso pode levar a uma catástrofe planetária e a um grande número de vítimas", afirmou o presidente russo.

Após o sexto teste nuclear de Pyongyang, o governo dos Estados Unidos, seus aliados europeus e o Japão anunciaram na segunda (4) que negociam severas sanções da ONU contra a Coreia do Norte. Mas a posição da China e da Rússia -ambas com direito de veto no Conselho de Segurança da ONU- ainda é incerta.

A ameaça norte-coreana também pode levar Tóquio a fabricar uma bomba atômica. O país oficialmente rejeita ter capacidade nuclear mas, com os testes norte-coreanos, o assunto continua em pauta no país.

"Os norte-coreanos não vão renunciar do seu programa nuclear caso não sintam que estão em segurança. Portanto é necessário abrir um diálogo entre as partes interessadas", disse Putin.

Trump, que prometeu no mês passado "fogo e fúria" caso Pyongyang continuasse ameaçando Washington, afirmou no domingo que, a partir de então, "qualquer discurso de apaziguamento" não funcionaria mais com a Coreia do Norte.

Como resposta ao teste nuclear de domingo, a Coreia do Sul iniciou na segunda novas manobras terrestres com munição real. A Marinha sul-coreana organizou exercícios também nesta terça-feira.

Segundo a embaixadora dos Estados Unidos nas Nações Unidas, Nikki Hakey, um novo pacote de sanções apresentado por Washington será negociado nos próximos dias, antes de ser votado no Conselho de Segurança em 11 de setembro. Ela afirmou também que a Coreia do Norte está "implorando por guerra".

A Coreia do Norte, por sua vez, afirmou que os EUA vão receber mais "pacotes de presente" enquanto "provocações imprudentes e tentativas fúteis de colocar pressão" sobre Pyongyang continuarem. (Folhapress)

Fonte: NOTICIAS AO MINUTO

Veja tambem

29/11/2018 | MUNDO BARRA DA TIJUCA

Braço direito de Trump se reúne com Bolsonaro no Rio

Jair Bolsonaro, bateu continência para o assessor de Segurança Nacional dos EUA

19/11/2018 | MUNDO TRAFICANTE

Marcelo Piloto é extraditado do Paraguai para o Brasil

Segundo a imprensa do Paraguai, ele deixou o país em uma aeronave do Grupo Aerotático da Força Aérea Paraguaia às 5h05

17/11/2018 | MUNDO REDES SOCIAIS

Conselho de Segurança americano elogia Bolsonaro sobre médicos cubanos

Órgão usou o Twitter para se pronunciar sobre o assunto

30/10/2018 | MUNDO ALIADOS

Primeiro-ministro de Israel planeja comparecer à posse de Bolsonaro

Se comparecer, Netanyahu será o primeiro premiê israelense a visitar o Brasil desde a criação do país, em 1948

28/10/2018 | MUNDO PLEITO

Votação no exterior é encerrada em 16 países

De acordo com o TSE, o balanço se refere aos locais de votação, em geral as próprias embaixadas do Brasil, que estão à frente no fuso horário

27/10/2018 | INTERNACIONAL

Chanceler saudita vê histeria internacional após morte de jornalista

"A questão tornou-se histérica. As pessoas estão culpando a Arábia Saudita antes de se completar a investigação",

20/10/2018 | MUNDO MIGRAÇÃO

Canadá emite recorde de vistos de residência para brasileiros

No ano passado, foram liberados 2.760 vistos, um aumento de 62% sobre o ano anterior

08/10/2018 | MUNDO ELEIÇÕES NO BRASIL

Imprensa internacional repercute vantagem de Bolsonaro

Os jornais The New York Times, Financial Times e El País e a rede de televisão britânica BBC emitiram alertas em seus aplicativos em todo o mundo após a confirmação do segundo turno

30/09/2018 | MUNDO

Passa de 800 o número de mortos na Indonésia devastada por terremoto e tsunami

Ainda não se sabe a extensão exata da tragédia, porque há áreas isoladas. Estima-se que 350 mil pessoas tenham sido afetadas.

25/09/2018 | MUNDO ASSEMBLEIA

Em discurso na ONU, Temer critica unilateralismo e intolerância

O debate geral deste ano tem como tema central Tornar a ONU Relevante para Todas as Pessoas: Liderança Mundial e Responsabilidades Partilhadas para Sociedades Pacíficas, Equitativas e Sustentáveis

17/08/2018 | MUNDO ITÁLIA

Motorista que ficou ‘à beira da morte’ em Gênova fala em ‘milagre’

Homem que ficou a poucos metros do abismo provocado pela queda da ponte ainda estará se recupera do choque

12/08/2018 | MUNDO TRAVESSIA

Trump e taxa de R$ 77 mil não inibem imigrantes brasileiros

A procura continua a mesma, inclusive por parte de famílias com filhos pequenos