Siga-nos nas redes sociais:

Meghan e Harry trocam alianças em cerimônia que exalta o amor

Noiva caminhou até o altar acompanhada pelo pai de Harry, o príncipe Charles 19/05/2018 - 09:00:59

Meghan Markle, a noiva mais famosa dos últimos anos, chegou à Capela de St.George, no Castelo de Windsor pontualmente ao meio-dia deste sábado (19) (8h no horário de Brasília), contrariando a previsão de que atrasaria quinze minutos para o casamento real.

A norte-americana entrou sozinha na igreja de Windsor, na Inglaterra, seguida por oito crianças, entre elas George e Charlotte, filhos do príncipe William, irmão mais velho do seu noivo, Harry. No meio do caminho para o altar, foi acompanhada pelo príncipe Charles, pai do noivo. 

Por volta das 12h12 Meghan e Harry trocaram “sim” diante de 600 convidados na capela e outros 100 mil pessoas que acompanhavam de fora, lotando as ruas de Windsor. “Que o Espírito Santo os oriente e reforce, que possam preencher os objetivos de Deus na presença de Deus pai e filho”, disse o celebrante.

Em seguida, a irmã da princesa Diana de Gales – falecida em 1997 – fez a leitura das bênçãos, representando a família materna do noivo.

"Devemos descobrir o poder do amor, o poder redentor.  E quando o descobrirmos, seremos capazes de fazer deste velho mundo um novo mundo. O amor é o único caminho. Existe poder no amor, não o subestimem nem o tornem demasiado sentimental “ disse o segundo celebrante do casamento, o bispo anglicano Michael Curry, citando o ativista negro Martin Luther King.

A pregação do referendo terminou por volta das 12h30 (horário local), seguida pela canção "Stand by me" (Ben E. King), entoada pelo primeiro coral gospel a se apresentar em um casamento real. Por volta das 12h36 (horário local), eles trocaram os votos nupciais, repetindo as palavras do reverendo, e trocaram as alianças.

"O que Deus uniu ninguém separa", conclui o reverendo sobre o novo casal real, por volta das 12h40 locais, seguido por uma série de leituras e pela oração do Pai Nosso. Após uma hora de cerimônia, os noivos deixaram a capela do Castelo de Windsor de carruagem, na qual seguiram em cortejo para saudar cerca de 100 mil pessoas espalhadas pelas ruas da cidade.

Fonte: NOTICIAS AO MINUTO

Veja tambem

23/05/2019 | MUNDO SETORES

Trabalhadores da Petrobras fazem greve geral em Montevidéu

Os trabalhadores da MontevideoGas decidiram paralisarem as atividades

11/05/2019 | GRUPO PARLAMENTAR, COMÉRCIO EXTERIOR, BRASIL

Cazaquistão quer intensificar relações com o Brasil, diz embaixador

Os dois países recriaram um grupo parlamentar

09/05/2019 | MUNDO CRISE

Serviço secreto da Venezuela prende vice-presidente do Parlamento

O anúncio foi feito pelo próprio Edgar Zambrano - número 2 de Juan Guaidó na Assembleia Naciona

27/04/2019 | FORÇA NACIONAL MOÇAMBIQUE

Brasileiros participam de buscas após novo ciclone atingir Moçambique

Catorze bombeiros da Força Nacional embarcaram para a cidade de Pemba

16/04/2019 | NOTRE-DAME, CATEDRAL, INCÊNDIO

França pede doações e avalia danos na Notre-Dame

Primeiras ofertas foram anunciadas nesta terça-feira(16)

30/03/2019 | INTERNACIONAL

Missão brasileira viaja a Moçambique para ajudar vítimas de ciclone

O apoio humanitário atende a pedido feito pelo presidente de Moçambique, Filipe Nyusi, ao presidente Jair Bolsonaro

24/03/2019 | MUNDO CARACAS

Com tropas, aviões militares russos pousam na Venezuela

As aeronaves estariam levando uma autoridade de defesa russa e quase cem soldados, segundo informações das agências de notícias

03/03/2019 | MUNDO VATICANO

Papa diz que políticos sem sabedoria prejudicam a sociedade

Francisco ainda pediu para os fiés não fazerem fofocas

03/03/2019 | CRISE VENEZUELANA RÚSSIA EUA

Rússia propõe aos Estados Unidos dialogar sobre a crise venezuelana

Rússia propõe aos Estados Unidos dialogar sobre a crise venezuelana

24/02/2019 | MUNDO APÓS CONFRONTOS

Divisa entre Brasil e Venezuela está mais tranquila neste domingo

Fluxo de imigrantes voltou à divisa, apesar do fechamento da fronteira

10/02/2019 | MUNDO

Coronel do Exército venezuelano rompe com Maduro e pede ajuda humanitária

Ajuda humanitária cruzará fronteira de Venezuela com Brasil, promete povo indígena Pemon

09/02/2019 | MUNDO VENEZUELA

Governo venezuelano reforça presença militar na fronteira com o Brasil

Objetivo de Maduro é evitar entrada de ajuda humanitária enviada pelos EUA