Siga-nos nas redes sociais:

Superávit da balança comercial cai 20% nos nove primeiros meses do ano

Os números foram divulgados hoje (1º) pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC). 02/10/2018 - 07:47:22

O aumento das importações em ritmo maior que o das exportações fez o superávit da balança comercial acumular queda nos nove primeiros meses do ano. De janeiro a setembro, o país vendeu para o exterior US$ 42,648 bilhões a mais do que comprou, recuo de 19,9% em relação ao mesmo período do ano passado (US$ 53,258 bilhões).

Os números foram divulgados hoje (1º) pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC). Apenas em setembro, o superávit comercial somou US$ 4,971 bilhões, queda de 3,9% na comparação com o mesmo mês do ano passado. Apesar do recuo, esse é o segundo melhor resultado da história para o mês, perdendo apenas para setembro de 2017 (US$ 5,171 bilhões).

No acumulado do ano, as exportações somaram US$ 177,991 bilhões, aumento de 8,1% sobre os mesmos meses de 2017 pelo critério da média diária. Beneficiadas pela recuperação da economia, as importações totalizaram US$ 135,343 bilhões, alta de 21,6% também pelo critério da média diária.

No resultado mensal, as exportações totalizaram US$ 19,087 bilhões em setembro (crescimento de 7,7% pela média diária). As importações somaram US$ 14,116 bilhões (alta de 10,2% na mesma comparação).

Composição

O crescimento das exportações em setembro foi puxado pelas vendas de produtos básicos (+21,1%), beneficiadas pela valorização das commodities (bens primários com cotação internacional). As vendas de semimanufaturados aumentaram 3%. No entanto, as exportações de manufaturados recuaram 4,2% em relação a setembro do ano passado.

Em relação às importações, o crescimento foi puxado pela compra de combustíveis e lubrificantes (24,7%), influenciado pela alta na cotação internacional do petróleo. A aquisição de bens intermediários subiu 10%, seguida da compra de bens de capital (máquinas e equipamentos usados na produção), com alta de 5,9%. A importação de bens de consumo cresceu 1,1%.

Estimativas

Em 2017, a balança comercial fechou com saldo positivo de US$ 67 bilhões, o melhor resultado da história para um ano fechado desde o início da série histórica, em 1989. Para este ano, o MDIC estima superávit em torno de US$ 50 bilhões, o que seria o segundo melhor resultado da história.

O mercado está mais otimista. Na última edição do boletim Focus, pesquisa semanal divulgada pelo Banco Central, as instituições financeiras projetaram superávit de US$ 54,6 bilhões para este ano. No Relatório de Inflação, divulgado na semana passada, o Banco Central previu resultado positivo de US$ 55,3 bilhões, com exportações de US$ 231 bilhões e importações em US$ 175,7 bilhões.

Fonte: Ag Brasil

Veja tambem

17/02/2019 | ECONOMIA TRABALHADORES

Governo começa a pagar na terça-feira abono salarial de fevereiro

Valores variam entre R$ 84 a R$ 998; em todo o calendário, serão pagos R$ 16,3 bilhões

16/02/2019 | MERCADO FINANCEIRO

IGP-10 sobe 0,40% em fevereiro com alta nos preços no atacado, diz FGV

O Índice Geral de Preços-10 (IGP-10) passou a subir 0,40 por cento em fevereiro, contra queda de 0,26 por cento em janeiro, com maior pressão dos preços de minério de ferro, leite in natura e cana-de-açúcar no atacado

15/02/2019 | ECONOMIA MERCADO FINANCEIRO

Bolsa fecha em alta de mais de 2% após proposta para Previdência

Ibovespa, índice que reúne as ações mais negociadas, saltou de 96.632,65 pontos às 17h08 para 97.100,92 pontos às 17h09

14/02/2019 | AGRICULTURA FAMILIAR SEMENTE, CRIOULA

Agricultores familiares debatem importância da semente crioula

Plantio da semente é feito sempre da mesma forma, sem interferência

13/02/2019 | EXPORTAÇÃO, PORTOS ANTAQ

Portos movimentaram 1,117 bilhão de toneladas de cargas em 2018

Os portos públicos movimentaram 374 milhões de toneladas em 2018, um aumento de 2,6% em comparação com 2017, quando foram movimentados 365 milhões de toneladas.

12/02/2019 | COPOM, INFLAÇÃO, BANCO CENTRAL

Inflação está em níveis “confortáveis”, diz ata do Copom

Para 2019, o Conselho Monetário Nacional (CMN) estabeleceu meta de inflação de 4,25%, com margem de tolerância de 1,5 ponto percentual.

11/02/2019 | ECOLOGIA, ENERGIA EÓLICA

Brasil, EUA e México lideram produção de energia eólica nas Américas

Continente americano instalou 11,9 GW de capacidade em 2018

08/02/2019 | FERNANDO FRAGA

Receita abre consulta a lote da malha fina do IR

A lista com os nomes estará disponível a partir das 9h no site da Receita na internet.

06/02/2019 | TABELA DO FRETE

Tabela do frete elevou inflação e reduziu PIB em R$ 7 bilhões, diz CNI

Impacto econômico da medida é descrito em estudo feito pela entidade

05/02/2019 | BOVESPA BOLSA DE VALORES DÓLAR

Ibovespa cai 0,28% e dólar fecha em R$ 3,66

O Euro também sofreu desvalorização e encerrou o dia custando R$ 4,18, uma queda de 0,28%.

05/02/2019 | BRASIL

Tecnologia Bt contribui para aumento do PIB

Houve aumento de R$ 2,8 bilhões no Produto Interno Bruto (PIB)

04/02/2019 | ECONOMIA PREÇOS

Etanol cai em 14 Estados e no DF, diz ANP

O preço médio recua 0,57% no País