Siga-nos nas redes sociais:

CMN regulamenta novos juros para fundos constitucionais e de desenvolvimento

A regulamentação era o último passo necessário para as novas taxas entrarem em vigor. 02/01/2018 - 20:35:58

Os produtores e empresários do Norte, Nordeste e Centro-Oeste podem pegar empréstimos com a nova metodologia de juros. Em reunião extraordinária, o Conselho Monetário Nacional (CMN) regulamentou as novas taxas de financiamentos dos fundos constitucionais do Norte (FNO), do Nordeste (FNE) e do Centro-Oeste (FCO) e dos fundos de Desenvolvimento de cada uma dessas regiões.

A regulamentação era o último passo necessário para as novas taxas entrarem em vigor. Publicada na última quarta-feira (27), a Medida Provisória 812 estabelecia a nova fórmula para os financiamentos. Os encargos serão baseados no cálculo da Taxa de Longo Prazo (TLP), ou seja, serão compostos pela variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) e por taxa de juros real prefixada, mensalmente, de acordo com o equivalente ao rendimento real das Notas do Tesouro Nacional – Série B (NTN-B) no prazo de cinco anos.

Além disso, serão ainda consideradas as diferenças regionais por meio do Coeficiente de Desenvolvimento Regional (CDR), de fatores de ponderação por tipo de operação e de um benefício de adimplência. As regiões menos desenvolvidas e os beneficiários que pagam em dia terão direito a condições melhores de empréstimos. Os contratos antigos não sofrerão alteração e continuarão remunerados pelas taxas contratadas anteriormente à medida provisória.

Na caso dos fundos de Desenvolvimento da Amazônia (FDA), do Nordeste (FDNE) e do Centro-Oeste (FDCO), os encargos seguem critérios semelhantes. A diferença é que esses fundos não terão bônus de adimplência como fator redutor das taxas.

Em nota, o Ministério da Fazenda informou que a definição automática das taxas de juros diminui o gasto com subsídios e torna mais transparente e previsível a política desses fundos. “A nova metodologia elimina a discricionariedade na definição dessas taxas, ao mesmo tempo em que aumenta a potência da política monetária e fortalece a aderência desses encargos ao custo de financiamento da dívida pública”, destacou a pasta.

Segundo o ministério, os redutores contribuem para incentivar o desenvolvimento nas regiões mais necessitadas. “As medidas aprovadas contribuem para a promoção de investimento em regiões relativamente menos desenvolvidas, estabelecendo encargos financeiros adequados ao padrão de renda dessas regiões e à tendência de juros da economia, com mais previsibilidade das taxas aplicadas aos programas de financiamento”, acrescentou o comunicado.

A Lei nº 7.827 de 1989, ao regulamentar artigo da Constituição, criou os fundos constitucionais de Financiamento do Centro-Oeste (FCO), do Nordeste (FNE) e do Norte (FNO), com o objetivo de contribuir para o desenvolvimento econômico e social dessas regiões por meio de financiamentos aos setores produtivos.

Fonte: Ag Brasil

Veja tambem

15/01/2018 | COMPETITIVIDADE

ANP: etanol sobe em 18 Estados e no Distrito Federal na última semana

No Brasil, o preço mínimo registrado na semana inicial de 2018 para o etanol em um posto foi de R$ 2,249 o litro, em Mato Grosso.

15/01/2018 | ECONOMIA IBC-BR

'Prévia' do PIB do Banco Central registra crescimento de 0,49%

Índice de atividade calculado pelo BC passou de 136,67 pontos para 137,34 pontos na série dessazonalizada de outubro para novembro

13/01/2018 | POLÍTICA ECONÔMICA

Elevação da nota de risco do Brasil é questão de tempo, diz Meirelles

O Congresso tem mostrado que tem aprovado as reformas fundamentais no país

11/01/2018 | S&P REBAIXA BRASIL

Standard & Poor's rebaixa Brasil para três níveis abaixo do grau de investimento

A redução da nota do país foi divulgada hoje (11) à noite.

11/01/2018 | ECONOMIA / MUNDO

Coreia do Norte pede que Seul abandone manobras com EUA

09/01/2018 | ECONOMIA

Variação de preço de material escolar pode ir até 260%

Na comparação com a edição anterior do estudo, verificou-se uma alta de 9,25% no preço desses materiais

08/01/2018 | MERCADO FINANCEIRO

Confiança da micro e pequena empresa cresce em 2017, mostra indicador da CNDL

A maior parte (46%) dos micro e pequenos empresários acredita que ele não se alterará ao longo deste primeiro semestre do ano.

08/01/2018 | ECONOMIA PRAZO

Primeira fase de implantação do eSocial para empresas começa hoje

Ao todo, etapa envolve 14,4 mil empresas, que faturaram mais de R$ 78 milhões em 2016 ou que aderiram voluntariamente

07/01/2018 | ECONOMIA LUZ

Vale a pena adotar a Tarifa Branca de energia?

“É preciso conhecer muito bem a sua capacidade de mudar hábitos de consumo de energia”, explica especialista

06/01/2018 | ECONOMIA AGENDA

Calendário de saques do PIS/Pasep será divulgado 2ªfeira

Saques poderão ser feitos na Caixa Econômica Federal

04/01/2018 | ECONOMIA FUNDO DE GARANTIA

Temer libera empréstimo de R$ 15 bilhões para a Caixa

O empréstimo foi sancionado e será publicado na edição desta sexta-feira (5) do Diário Oficial da União

04/01/2018 | MERCADO FINANCEIRO

Inflação de produtos na saída das fábricas é de 1,47%

O IPP acumula 3,73% nos 11 primeiros meses de 2017 e 5,07% em 12 meses, de acordo com o IBGE.