Siga-nos nas redes sociais:

Soja convencional ainda é cultivada no Brasil, mas área plantada diminui

No ano passado, semente não-transgênica ocupou 17,3% da área de cultivo e, neste ano, não deve passar de 12%. Custo de produção é mais alto, mas valor de venda também. 19/09/2018 - 08:30:39

A soja transgênica domina a produção brasileira, mas ainda existem compradores que preferem a convencional. O principal destino dela é a exportação para a Europa e a Ásia. Esse nicho de mercado, porém, vem diminuindo ano a ano.

Na safra passada, o grão convencional ocupou 17,3% da área total de cultivo e, neste ano, deve ficar entre 10% e 12%, segundo estimativa do Instituto Soja Livre.

"Estou falando de 10% a 12% de um total de 9,5 milhões de hectares", pondera Eduardo Vaz, analista do instituto. Ele fez a projeção com base nos volumes de comercialização de sementes.

A redução pode ser explicada pelo fator custo/benefício: quem investe na lavoura convencional gasta R$ 3.975,90 por hectare, 3,8% mais do que quem cultiva a soja transgênica (R$ 3.830,87).

Na fazenda de Adriano Soares, em Diamantino, Mato Grosso, os 700 hectares que foram cultivados com soja convencional no ano passado, vão receber variedades transgênicas nesta safra.

"E a gente tem que fixar o prêmio nos contratos antes, para ter a garantia de que vai entregar na colheita e de que vai ter esse valor acrescentado na nossa comercialização", emenda.

O agricultor Rafael Rodrigues também desistiu de semear os 500 hectares que havia reservado para a soja convencional porque ainda tem 25 mil sacas da última colheita guardadas.

Já o produtor Argino Bedin ainda aposta na semente convencional. Ele consegue 15% a mais por ela do que pela transgênica. Mas a lavoura exige alguns cuidados.

Argino já vendeu 70% da safra em contrato antecipado para uma indústria e vai receber um valor a mais a cada saca.

"É um prêmio de em torno de R$ 10 por saca. Então isso compensa o custo um pouquinho maior que você tem", diz ele.

Fonte: Globo Rural

Veja tambem

24/05/2019 | SOJA

SOJA: 19% das exportações do grão brasileiro passam pelos Portos do Paraná

Os Portos do Paraná responderam por 19% das exportações do complexo soja brasileiro em 2019

23/05/2019 | CAFÉ

Adido do USDA estima safra 2019/20 de café do Brasil em 59,3 mi sacas

A previsão representa um recuo de 8,5% em relação à safra recorde registrada em 2018/19.

22/05/2019 | ARROZ

Área brasileira de arroz, deverá ser 13,9% menor nesta safra

A cultura do arroz é essencial para a segurança alimentar e nutricional para mais da metade da população mundial, além de ser integrante do hábito alimentar da nossa população

21/05/2019 | MILHO

Milho segue com altas em Chicago após USDA divulgar atraso no plantio americano

18/05/2019 | CAFÉ

Comercialização da safra 2018/19 do Brasil está em 86%, aponta Safras & Mercado

A comercialização da safra de café do Brasil 2018/19 (julho/junho) chegou a 86% até o dia 13 de maio

17/05/2019 | SOJA

Importação chinesa de soja do Brasil cai a 72,8% do total exportado, aponta Cargonave

No primeiro quadrimestre do ano passado, a exportação total do Brasil, maior exportador global, havia atingido 29,74 milhões de toneladas, com os chineses tomando 23,08 milhões

16/05/2019 | Agricultura

Crescimento do setor agrícola ajuda manter município de Cláudia, afirma Sérgio Dalmaso

AGRONEGÓCIO

11/05/2019 | SOJA

RS finaliza colheita da soja

A colheita da soja está praticamente concluída no Rio Grande do Sul, restando apenas 3% da área cultivada com o grão

10/05/2019 | SOJA

Soja trabalha estável nesta 6ª feira em Chicago e espera novos números do USDA

09/05/2019 | BOVINOS DE CORTE

Expoagro Dourados terá julgamento de genética de qualidade da raça Nelore

O evento acontece entre 10 e 19 de maio, com julgamento de animais do dia 16 a 18 de maio

08/05/2019 | SUÍNO

Exportações de carne suína crescem 44,3% em abril

No quadrimestre, a alta é de 10,29%

07/05/2019 | SEM EXTINÇÃO

Secretário: Empaer deve R$ 130 milhões, mas patrimônio é maior

Agricultura Familiar faz levantamento sobre empresa e apresenta até 30 de maio dados ao governador