Siga-nos nas redes sociais:

Mercado de Trabalho: Agronegócio tem menos ocupados e rendimentos maiores em 2017

Pesquisas do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), da Esalq/USP, mostram que o total de ocupados no agronegócio brasileiro caiu 2,2% entre os três primeiros trimestres de 2017 e o mesmo período de 2016, o equivalente a 264 mil pessoas 27/12/2017 - 09:43:29

Segundo pesquisadores, a queda das ocupações no setor relaciona-se principalmente ao segmento primário, em que a baixa foi de 6,4% (ou de 580,5 mil pessoas). Diante desse movimento, tem-se que 18,2 milhões de pessoas, em média, ocuparam-se em atividades relacionadas ao agronegócio, representando pouco mais de 20% do total de ocupados no País.

As diminuições mais relevantes no total do ocupados no agronegócio ocorreram para trabalhadores por conta própria (-6,3%) e para empregados com carteira assinada (-2,1%). Por outro lado, pesquisadores do Cepea indicam que o número de empregados sem carteira assinada e de empregadores aumentou, 2,6% e 12,4%, respectivamente. No caso de pessoas sem instrução, houve redução das ocupações no agronegócio frente a 2016. Para as demais categorias de instrução, houve aumento das ocupações, especialmente para aqueles com Ensino Superior (completo ou incompleto), categoria para a qual a elevação foi de 6,4%.

Pesquisadores do Cepea destacam que, apesar da redução observada no total de ocupados no agronegócio, o rendimento médio do trabalho do trabalhador do setor aumentou em 2017, para as três categoriais analisadas: +2,8% para empregados e outros, +13,2% para empregadores e +5,8% para trabalhadores por conta própria. A preços do terceiro trimestre de 2017, para os empregados no setor, o rendimento médio mensal foi de R$ 1.678; para os empregadores, de R$ 5.526; e, para os trabalhadores por conta própria, de R$ 1.232.

Mercado de trabalho do agronegócio nos estados brasileiros – A população ocupada no agronegócio brasileiro se concentra principalmente em cinco estados: São Paulo, Minas Gerais, Bahia, Rio Grande do Sul e Paraná. Por outro lado, os estados com maior participação do agronegócio no mercado de trabalho estadual foram Mato Grosso, Rondônia, Piauí, Maranhão e Pará. De modo geral, para os estados das regiões Norte e Nordeste, o segmento primário do agronegócio tem um maior peso na distribuição dos postos de trabalho do setor. Por outro lado, para os estados do Centro-Sul, parte relevante dos trabalhadores do agronegócio está nos elos industriais e de serviços vinculados ao setor.

Analisando por segmento, tem-se que, enquanto 60% da agroindústria se concentra nos estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Paraná e Santa Catarina, o segmento primário tem uma distribuição espacial relativamente mais homogênea, com destaque para Minas Gerais e Bahia, mas também para a região Sul e partes do Norte e Nordeste.

Clique aqui e confira o release completo em word.

Fonte: Do Agronegócio

Veja tambem

15/01/2018 | AFTOSA

Vacinação contra febre aftosa atinge 99,7% dos animais em Mato Grosso

Há 10 anos Mato Grosso atinge percentuais de quase 100% do rebanho nas respectivas etapas de vacinação

15/01/2018 | AGRONEGÓCIO

Carne Angus estará no MasterChef Redomão na Lagoa

Uma das grandes novidades do Concurso de Culinária MasterChef Redomão na Lagoa deste ano é a parceria com a Associação Brasileira de Angus

13/01/2018 | AGROEXPORTAÇÕES/CARNE

Governo publica instrução normativa para inspeção de embarques de produtos de origem animal

Já o procedimento de reinspeção envolve a avaliação física dos produtos e subprodutos de origem animal.

12/01/2018 | AGRONEGÓCIO/MILHO

MILHO/PERSPEC 2018: Alto estoque deve manter pressão sobre valor mesmo com queda de área

Após safra brasileira 2016/17 recorde e consequente queda nos preços internos, a área de milho da temporada 2017/18 deve ser a menor desde 1976/77

11/01/2018 | COLHEITA EM ALTA

Estimativas de safra de soja do Brasil apontam colheita perto de recorde

Números da Agroconsult e Céleres para soja e milho

09/01/2018 | MERCADO DA CARNE

Boi Gordo, por Scot Consultoria: Mercado com dois cenários, mas ainda com comportamento de férias

Na região sul do estado, a arroba do boi gordo está cotada em R$ 140,50, à vista

05/01/2018 | EXPORTAÇÃO/AÇÚCAR

Fila para embarcar açúcar no Brasil soma 16 navios, diz Williams

O total de navios programados para embarcar açúcar nos portos brasileiros somou apenas 16 embarcações neste início de ano

04/01/2018 | EXPORTAÇÃO DE GRÃOS

Exportações do complexo soja crescem 25% em receita ante 2016

Em volume, os embarques do grão, farelo e óleo cresceram 24% em relação ao ano passado

29/12/2017 | AGRO É POP

Deputado destina emenda R$ 460 mil para documentário sobre soja em MT

Vídeo de até 60 minutos contará sobre a trajetória e evolução da soja em Mato Grosso

29/12/2017 | AGRONEGÓCIO

IMEA prevê ano “menos turbulento” para a bovinocultura Mato-Grossense

Para os analistas, a perspectiva sobre a oferta é de que possa haver um incremento na quantidade de animais para abate, e este aumento pode vir principalmente das fêmeas dos criadores

26/12/2017 | MERCADO FLORESTAL

Cenários Ibá: exportações do setor até novembro superam o total registrado em 2016, chegando a US$7,7 bilhões

As receitas das exportações do setor produtivo de árvores plantadas somaram entre janeiro e novembro deste ano US$ 7,7 bilhões, um crescimento de 11,4% em relação ao mesmo período de 2016

23/12/2017 | EXPORTAÇÃO

Exportações do Paraná cresceram 20,4% em 2017

Dado é de janeiro a novembro e se mantido o ritmo em dezembro o Estado deve fechar ano com maior aumento nas vendas externas desde 2011