Siga-nos nas redes sociais:

Certidão garante crédito rural para agricultores em áreas de ocupação

A ação favorecerá o crescimento econômico e contribuirá para a geração de emprego e renda a milhares de famílias que se encontram nessa situação 24/09/2018 - 08:43:08

Agricultores em área de ocupação há mais de dez anos poderão ter acesso às linhas de crédito rural para investimento na propriedade. O que lhes garante esse acesso é a Certidão de Reconhecimento de Ocupação (CRO). A ação favorecerá o crescimento econômico e contribuirá para a geração de emprego e renda a milhares de famílias que se encontram nessa situação.

A CRO é uma certidão que não legaliza o título, ainda, mas comprova a ocupação da área pública que passa a ser identificada legalmente com proprietário definido, permitindo que este tenha direito às políticas públicas, inclusive ao crédito rural junto às instituições financeiras. É um documento que dá mais segurança jurídica ao ocupante para que ele possa continuar produzindo na área ocupada.

O beneficiário da Certidão de Reconhecimento de Ocupação tem que estar em uma área de terra pública federal, com tamanho entre um a 2.500 hectares localizados na região amazônica; ter ocupado a área antes de 28 de julho de 2008 e tem que estar trabalhando em uma cultura efetiva. A área tem que ser georreferenciada e não estar sobreposta a outras áreas.

Essa ação faz parte do programa Terra Legal em reconhecimento prévio do direito dos beneficiários, no intuito de agilizar sua inserção na economia produtiva do país. A Certidão de Reconhecimento de Ocupação é expedido de forma gratuita aos produtores e só podem ser beneficiados os que estão inserido no programa.

Em Rondônia, a CRO vem sendo entregue pela Emater-RO, formalizada em convênio firmado entre o governo de Rondônia e a Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (Sead), por meio da Subsecretaria Extraordinária de Regularização Fundiária da Amazônia Legal (Serfal). Nos dias 13, 14 e 15 últimos foram entregues mais de mil certidões nos municípios da Zona da Mata e da Região da 429, no Vale do Guaporé. Dia 20 serão entregues outros 400 em Pimenta Bueno, Chupinguaia e Vilhena, totalizando 1.717 certidões.

Com isso, os produtores rurais em terras ocupadas ganharão mais estabilidade, com segurança para investir na terra que poderá chamar de sua, além de contribuírem para a geração de emprego e renda local e com o crescimento economia do estado.

Fonte: Portal do Agronegócio

Veja tambem

14/12/2018 | DEFESA AGROPECUÁRIA

Indea atende caso de raiva em bovinos em Alta Floresta

Os bovinos e equídeos dessas propriedades também devem ser vacinados contra a raiva.

14/12/2018 | SUÍNOS

Cartilha de Boas Práticas na Gestação de Suínos é lançada pelo Mapa

Objetivo é a sensibilização, capacitação e sustentabilidade da cadeia produtiva

13/12/2018 | GOVERNO

Governo compra 11,7 mil quilos de produção rondoniense de café robusta

A Superintendência de Licitações de Rondônia (Supel) deve homologar na próxima semana a licitação para compra de 11,7 mil quilos de café robusta

12/12/2018 | CAPIM-AMARGOSO

Um problema que pode estar além do campo

Como uma das plantas daninhas mais resistentes e complicadas do mercado pode estar afetando mais do que o cultivo e a produtividade

12/12/2018 | Política Agrícola

Ruralistas querem MP com novo prazo para Refis do Funrural

O assunto foi discutido na reunião da FPA desta terça-feira (11), em que os parlamentares define a estratégia do colegiado no Congresso Nacional.

10/12/2018 | SOJA

Vendas antecipadas de soja 2018/19 no MT chegam a 41,33% em dezembro, diz Imea

10/12/2018 | GESTÃO

Cinco dicas valiosas para auxiliar na fertilidade do solo

Relatório da FAO e Embrapa Solos aponta que 33% da terra do mundo está degradada

08/12/2018 | EXPORTAÇÃO

Paridade de exportação do milho mato-grossense recua 2,7%

A paridade de exportação do milho mato-grossense para julho do ano que vem recuou 2,7% no mês passado fechando a uma média de R$ 21,83/saca

07/12/2018 | SOJA

Soja em Chicago trabalha com leves altas nesta 6ª feira e mercado busca se reequilibrar

No paralelo, o mercado observa ainda o bom desenvolvimento do plantio na América do Sul, principalmente no Brasil.

07/12/2018 | CERTIFICAÇÃO

Oceana Minerals obtém certificação internacional que reforça a alta qualidade de seus produtos

A Certificação IBD USDA abre portas para expansão da empresa nos exigentes mercados dos Estados Unidos e de outros países da Europa e Ásia

06/12/2018 | BOVINOS DE CORTE

Peso médio elevado marca a etapa de Nanuque (MG) do Circuito Nelore de Qualidade, da ACNB

Grupo Matsuda premiou primeiro colocado com uma tonelada de suplementos minerais

05/12/2018 | EXPORTAÇÃO

Exportação da carne bovina segue em bom ritmo

A valorização do dólar frente a moeda brasileira colabora com este cenário.